terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Blogminton está de casa nova!

O Blogminton já está em sua casa nova, o portal globoesporte.com. Ainda estou arrumando algumas coisas no blog, mas ele já está no ar. Confiram e divulguem! O link é http://globoesporte.globo.com/blogminton/platb/.

Esta antiga casa ainda ficará no ar para consulta às notícias e discussões antigas.

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Levantamento mostra que badminton brasileiro se concentra em poucas forças

O técnico Sebastião Oliveira, responsável pela Miratus, o principal projeto social de badminton no Brasil, me enviou um levantamento elaborado pelo Oreval Marques, que é estatístico, mostrando um retrato preocupante do badminton brasileiro.

O levantamento de Oreval mostra o badminton concentrado em apenas duas equipes (Miratus, do Rio de Janeiro, e FEBAPI, do Piauí), levando-se em conta os resultados (medalhas conquistadas) em competições nacionais e sul-americanas em 2012. Distante das duas primeiras, a Sociedade Hípica de Campinas foi a terceira que mais contribuiu com medalhas nestas competições.

Para o levantamento, Oreval levou em consideração as seguintes competições:
- Nacionais: Curitiba adulto e juvenil; Campinas adulto e juvenil; Arapongas adulto, Porto Alegre adulto e juvenil;
- Sul Americano: Peru.

Foram levados em consideração apenas o total de medalhas no ano, não sendo considerados fatores como tamanho de equipes ou quantidade de torneios disputados. O peso utilizado para ordenar as equipes foi o de quantidade de ouros, seguido pelo de pratas e depois de bronzes.

Selecionando apenas as 4 primeiras equipes, que demonstraram os resultados mais relevantes, considerando-se os critérios acima, ele chegou ao seguinte quadro:

Tomando apenas as medalhas conquistadas pelas 4 equipes acima, Miratus e FEBAPI foram responsáveis por 85% das medalhas de ouro conquistadas.

Elas também foram responsáveis por 79% das medalhas de prata conquistadas pelas 4 equipes.

Por fim, foram responsáveis por 90% das medalhas de bronze conquistadas pelas 4 equipes.

Oreval destaca ainda que não foram computados os resultados do Pan Jr do Canadá, por não haver dados suficientes para a categoria juvenil (imagino que faltaram os nomes das equipes). De qualquer forma, ele observa que o Brasil obteve 16 medalhas no total (3 de ouro, 4 de prata e 9 de bronze), sendo que a Miratus foi responsável por 8 delas (2 de ouro, 2 de prata e 4 de bronze).

Alguns dados a mais

A estes últimos dados, acrescento, então, que a Miratus ficou com 66% das medalhas de ouro, 50% das medalhas de prata e 44% das medalhas de bronze no Pan Jr do Canadá.

Analisando os dados completos das equipes, ou seja, sem levar em consideração apenas as 4 com melhor desempenho, ainda teríamos uma forte concentração. Isso faz todo o sentido, já que essas 4 equipes conquistaram a maior parte das medalhas brasileiras.

Ou seja, levando-se em conta a totalidade de equipes, Miratus e FEBAPI ainda ficariam com 67% das medalhas de ouro, 40% das medalhas de prata e 32% das medalhas de bronze.

Outros destaques relevantes seriam as equipes Fonte e Seareiros, ambas de Campinas/SP. Portanto, além de um projeto social no RJ, temos uma equipe do PI e outras 3 equipes de Campinas/SP. Então, ainda assim teríamos uma concentração do badminton em 3 locais.

Minhas conclusões

Enfim, este tipo de concentração mostra um quadro preocupante para o badminton brasileiro. Temos um quadro de relativa pequena competitividade, visto que há um claro desequilíbrio de forças. Para o desenvolvimento de qualquer modalidade, toda concentração é prejudicial.

Sempre lembro da NBA (liga de basquete norte-americana) e da NFL (liga de futebol americano). Na NBA, a cada ano, as piores equipes do ano anterior têm a prioridade para escolha do draft (seleção dos novos atletas, oriundos das universidades). Na NFL, a verba de televisão é dividida igualmente entre as equipes (acredito que o draft seja semelhante à NBA). Ambas as situações são criadas para criar maior equilíbrio e competitividade nas duas ligas. Isso eleva o nível das ligas como um todo e acaba atraindo mais espectadores, mais mídia e mais patrocínios.

É fundamental desenvolver não apenas novas equipes, mas também o badminton em outras localidades. Isso passa por uma série de fatores, entre os quais destaco: formação de mais professores e técnicos; maior investimento em escolas; fortalecimento das federações.

Se queremos criar e fortalecer equipes, precisamos de mais professores e técnicos. Não há dúvidas. Também precisamos formar árbitros, juízes de linha, árbitros gerais dos torneios.

Para o crescimento da modalidade, precisamos investir na base. Isso passa por forte investimento nas escolas e sua continuidade nas faculdades.

As federações são as responsáveis pelo trabalho de base, competições estaduais, que são um passo anterior às competições nacionais e internacionais. Hoje, elas não têm estrutura alguma, não contam com apoio financeiro e isso inviabiliza totalmente o desenvolvimento nos estados.

Como explicar, então, os resultados obtidos pelas equipes do Rio de Janeiro, Piauí e Campinas? Para mim, são três situações completamente distintas e que merecem um post mais completo. Resumidamente, temos um belíssimo projeto social no Rio de Janeiro (capitaneado brilhantemente pelo Sebastião, que faz um trabalho técnico sensacional e que soube aproveitar, com o mesmo brilhantismo, todo apoio que teve desde o início), um projeto que contou com boa articulação entre federação/prefeitura/iniciativa privada/mídia no Piauí (liderado pelo atual presidente da CBBd, Francisco Ferraz) e uma cidade já consolidada no cenário nacional (Campinas sempre foi a potência nacional, com 2 clubes tradicionais, Fonte e Hípica, cultivando grande rivalidade), agora contando com mais um brilhante projeto social, que é o Seareiros.

G1: Atletas já começam a se preparar para a nova temporada de Badminton

O Bom Dia Piauí destaca a preparação dos atletas locais para as competições da temporada 2013.

CBBd divulga novo prazo para pagamento da anuidade

A CBBd prorrogou até 25 de março de 2013 o prazo para pagamento da taxa de anuidade das federações filiadas.

Confiram no site da CBBd.

Sudirman Cup 2013

A BWF confirmou esta semana a relação de 32 países que disputarão a maior competição por equipes mistas do mundo, entre os dias 19 e 26 de maio de 2013, em Kuala Lumpur, na Malásia.

Teremos 1 representante da África, 14 da Ásia, 12 da Europa, 3 das Américas e 2 da Oceania. Os representantes pan-americanos são EUA, Canadá e Jamaica. Todas as associações membro da BWF receberam convite para participar da competição em 01 de agosto de 2012 e tiveram até 15 de fevereiro de 2013 para responder.

As tabelas de jogos já estão definidas, ainda sem os nomes dos países. O sorteio das chaves acontecerá no próximo dia 28 de março. A BWF utilizará o ranking mundial de 07 de março para definir a posição de cada país no sorteio. Cada país deve indicar seus atletas representantes até o dia 06 de maio.

A Sudirman Cup acontece desde 1989 e teve apenas 3 países vencedores: China (8 títulos), Coreia do Sul (3 títulos) e Indonésia (1 título).

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Ranking Mundial por Equipes

A BWF publicou, no dia 07/01/2013, o Ranking Mundial por Equipes. A China lidera o ranking, seguida por Dinamarca e Coreia do Sul.

O Brasil está na posição 44. No último ranking, publicado em 04/10/2012, o Brasil estava na posição 38.

Entre os demais países das Américas, à frente do Brasil estão os EUA, na posição 16, o Canadá na 19, a Guatemala na 39 e o Peru na 41.

O ranking completo está em http://bwf.tournamentsoftware.com/ranking/ranking.aspx?id=4298.

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Brasileiros no Ranking Mundial

Confiram a posição atualizada dos brasileiros no Ranking Mundial, com os dados publicados em 21/02. Entre parenteses, a posição no ranking anterior.

O ranking completo está em http://bwf.tournamentsoftware.com/ranking/ranking.aspx?rid=70.

SM
117 (120) Daniel PAIOLA
244 (239) Luiz Eduardo MARTINEZ
272 (272) Alex Yuwan TJONG
310 (267) Luiz DOS SANTOS
311 (316) Italo HAUER
327 (314) Lucas ALVES PINTO
378 (381) Rodolfo Ausgusto SALLES
393 (397) Filipe TOLEDO
406 (410) Gabriel GANDARA
507 (513) Duarte FABRICIO
507 (513) Igor IBRAHIM
653 (662) Paulo SCALA
653 (662) Ygor DE OLIVEIRA
653 (662) Jose Victor SALGADO
653 (662) Felippe CURY FONSECA
653 (662) Lucas DA SILVA
653 (662) Alisson NOGUEIRA MORENO
653 (662) Fabio Da Silva SOARES
653 (662) Bruno Soares de MOURA
820 (833) Chen PEDRO
1014 (1028) Luis F MARTIN
1014 (1028) Gustavo PUPO
1014 (1028) Victor ALVES
1014 (1028) Matheus CHIESA
1014 (1028) Manoel Eduardo Galves GORI
1014 (1028) Lucas ISHIOKA
1086 (1109) Alisson VASCONCELLOS
1271 (1290) Saporitti RAFAEL
1271 (1290) William GIACOMINI
1271 (1290) Vinicius Eduardo Bombonati GORI
1271 (1290) Nicolas HUE
1271 (1290) Pedro ABREU
1271 (1290) NAKAO Matheus de Souza
1271 (1290) Lucas RUSSI

SF
185 (169) Yasmin CURY
201 (209) Fabiana SILVA
223 (227) Thayse CRUZ
273 (272) Paula B PEREIRA
355 (358) Ana Paula CAMPOS
371 (376) Isabela HAUER
450 (451) Carolina Aoki SETTANI
450 (451) Miria SILVA
553 (556) Mariana Pedrol FREITAS
553 (556) Renata FAUSTINO
553 (556) Gabriela SANTOS
553 (556) Paula PUPO
553 (556) Estefane VENTURA
553 (556) Naira Beatriz VIER

DM
111 (112) Daniel PAIOLA / Alex Yuwan TJONG
283 (290) Luiz DOS SANTOS / Italo HAUER
341 (346) Guilherme KUMASAKA / Paulo SCALA
341 (346) Andres CORPANCHO [Peru] / Luiz DOS SANTOS
341 (346) Italo HAUER / Igor IBRAHIM
376 (377) Alex Yuwan TJONG / Luiz DOS SANTOS
435 (437) Luiz Eduardo MARTINEZ / Rodolfo Ausgusto SALLES
489 (492) Duarte FABRICIO / Gustavo PUPO
489 (492) Luis F MARTIN / Jose Victor SALGADO
489 (492) NAKAO Matheus de Souza / Bruno Soares de MOURA
489 (492) William GIACOMINI / Alisson NOGUEIRA MORENO
645 (655) Manuel BATISTA [Itália] / Filipe TOLEDO
645 (655) Italo HAUER / Rodolfo Ausgusto SALLES
645 (655) Pedro ABREU / Lucas RUSSI
645 (655) Nicolas HUE / Saporitti RAFAEL
645 (655) Victor ALVES / Felippe CURY FONSECA
645 (655) Hugo ARTHUSO / Ygor DE OLIVEIRA
645 (655) Manoel Eduardo Galves GORI / Vinicius Eduardo Bombonati GORI
645 (655) Matheus CHIESA / Lucas ISHIOKA
843 (850) Chen PEDRO / Gabriel GANDARA
843 (850) Gabriel GANDARA / Alisson VASCONCELLOS

DF
115 (119) Paula B PEREIRA / Fabiana SILVA
236 (235) Ana Paula CAMPOS / Yasmin CURY
415 (414) Renata FAUSTINO / Miria SILVA
415 (414) Mariana Pedrol FREITAS / Gabriela SANTOS
415 (414) Jaqueline KEMPNER / Naira Beatriz VIER
415 (414) Paula PUPO / Estefane VENTURA

DX
224 (221) Daniel PAIOLA / Fabiana SILVA
258 (254) Hugo ARTHUSO / Fabiana SILVA
275 (271) Rodolfo Ausgusto SALLES / Thayse CRUZ
294 (289) Luis F MARTIN / Carolina Aoki SETTANI
372 (370) Luiz DOS SANTOS / Ana Paula CAMPOS
372 (370) Filipe TOLEDO / Paula B PEREIRA
372 (370) Duarte FABRICIO / Gabriela SANTOS
372 (370) Andres CORPANCHO [Peru] / Yasmin CURY
418 (416) Alex Yuwan TJONG / Paula B PEREIRA
623 (622) Lucas ALVES PINTO / Mariana Pedrol FREITAS
623 (622) Luiz DOS SANTOS / Yasmin CURY
678 (677) Filipe TOLEDO / Sarka KRIZKOVA [República Tcheca]
678 (677) Italo HAUER / Mariana Pedrol FREITAS
678 (677) Igor IBRAHIM / Naira Beatriz VIER
678 (677) Luiz Eduardo MARTINEZ / Jaqueline KEMPNER
678 (677) Pedro ABREU / Estefane VENTURA
678 (677) Gustavo PUPO / Isabela HAUER
678 (677) Luiz Eduardo MARTINEZ / Silvana MARTINEZ
867 (867) Italo HAUER / Isabela HAUER

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Austrian International Challenge 2013

Começou hoje, em Viena, a competição austríaca que distribui 15 mil dólares em premiação.

O brasileiro Filipe Toledo participou da competição e foi derrotado na primeira rodada do qualificatório pelo indiano Vikas Harsha P. por 2 a 0 (21-6 e 21-4), em 14 minutos.

A competição pode ser acompanhada aqui, inclusive com resultados online.

Diversas notícias do badminton nas últimas semanas

Para compensar o longo período em que o Blogminton ficou com poucas atualizações em janeiro e fevereiro, segue um clipping de notícias deste período. Bom saber que o badminton não para e vai conquistando seu espaço.

Amapá

Em janeiro, o Amapá estava preocupado com as atividades no Avertino Ramos, que estavam paradas: Após eleições, badminton paralisa atividades.

Felizmente, o Governo do Estado abriu inscrições para a escolinha de badminton no local: Escolinha da SEDEL.

E o Amapá terá em breve um juiz de linha certificado. O prof. Aldir Dantas participará do Curso Internacional de Juiz de Linha de Badminton, que será realizado em Curitiba/PR, entre os dias 26/02 e 03/03: Juiz de linha.

Amazonas

O prof. Aldir Dantas, do Amapá, foi a Manaus para ministrar uma clínica de badminton. E foi destaque na mídia local.

Clínica de Badminton, em Manaus, objetiva estimular novos adeptos.

Amazonenses recebem aulas de badminton.

Número de praticantes de Badminton cresce em Manaus.

Clínica de badminton no AM terá técnico da federação internacional.

O badminton também ganha mais destaque no estado, passando a integrar o calendário oficial de esportes: Badminton entra no calendário de esportes de Manaus.

Badminton England

Destaquei duas notícias interessantes da Federação Inglesa de Badminton.

A primeira é sobre o prêmio de melhores do ano que tem um formato bem interessante e uma logo muito legal: 'Magnificent Seven' winners of the inaugural National Badminton Awards.

A segunda é sobre o aumento das competições de parabadminton na Inglaterra, excelente para o crescimento da modalidade: New tournaments added to Para-Badminton circuit in March.

CBBd

Conforma coloquei acima, nas notícias do Amapá, Curitiba/PR receberá um Curso Internacional de Juiz de Linha de Badminton, durante a primeira etapa do Circuito Nacional de 2013. E as inscrições se encerram hoje: Inscrições abertas até 20 de fevereiro.

Maranhão

Atletas do badminton disputam prêmio de melhores do ano no estado.

Conheça os candidatos ao Troféu Mirante no badminton.

Timonenses disputam o Troféu Mirante no badminton.

Paraná

Toledo: Unipar participa do Congresso Paranaense de Badminton e Parabadminton.

Badminton: técnico troca Londrina por Cascavel.

Badminton: temporada 2013 tem início em Curitiba (PR).

A Badminton Federação Paranaense promovou um congresso para discutir o badminton no estado: Congresso do Badminton Paranaense 2013.

Piauí

Badminton conta com inúmeros profissionais para buscar melhores condições no esporte.

Copinha Piauiense abre calendário estadual de Badminton em 2013.

Promessas do Badminton, irmãs Sânia e Sâmia orgulham a família.

Atletas do Badminton iniciam o ano buscando melhor forma física.

Atletas de badminton do Piauí estão cotados para ciclo olímpico 2016.

Rio de Janeiro

Alunos da equipe de Badminton de VR conquistam Bolsa Atleta.

São Paulo

Muito interessante o evento de Badminton Night, o badminton no escuro, lá em Santos/SP.

Badminton 'no escuro' é atração nesta sexta-feira, em Santos.

Badminton 'no escuro' atrai mais de 200 pessoas em Santos.

Estudo avalia capacidade de reação de atletas: Jogadores de badminton apresentam ótima capacidade reativa.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Alemanha conquista Campeonato Europeu de Equipes Mistas

Uma das maiores surpresas dos últimos anos no badminton aconteceu neste final de semana. A Alemanha derrotou a poderosa Dinamarca, encerrou um domínio dinamarquês de 18 anos (9 títulos) e ficou com o título continental.

A conquista veio de forma contundente, por 3 a 0, com vitórias em simples e nas duplas femininas. Não foram necessárias as disputas nas duplas masculinas e mistas.

A Dinamarca já havia sofrido bastante nas semifinais, quando derrotou a Inglaterra por 3 a 2. Parte do sofrimento pode ter sido causado pela falta de seus grandes astros Peter Gade (que se aposentou recentemente) e Tine Baun (que está para se aposentar). Ainda assim, a Dinamarca estava com todas as duplas (masculinas, femininas e mistas) colocadas entre as quatro melhores do mundo e era a favorita ao título.

Confiram os resultados completos.